Projeto de contação de história para alunos da rede estadual inicia nesta terça, 9

Por: MARÍLIA MESQUITA /Foto: Ascom/Seed

Programa Caminhada Literária tem o intuito de desenvolver estratégias de leitura junto aos estudantes

Com o intuito de desenvolver estratégias de leitura, o Programa Caminhada Literária com o projeto ‘A vez é agora, eu faço parte dessa história’, inicia as atividades nesta terça-feira, 9, para os alunos do Ensino Fundamental e Médio da rede estadual de ensino. A abertura ocorrerá a partir das 14h no prédio da antiga escola Princesa Isabel, Centro.

O projeto é desenvolvido durante todo o ano letivo, de abril a novembro, no período oposto às aulas e de forma gratuita. Entre os conteúdos ensinados está técnica de contação de história, teatro, expressão corporal, linguagem oral, além de outras atividades relacionadas à temática. Além disso, oferece uma formação continuada aos mediadores de leitura, profissionais que atuam nas bibliotecas e salas de leitura nas escolas, por meio de encontros mensais e oficinas pedagógicas.

“Essas técnicas são importantes para o desenvolvimento do aluno, pois melhoram a autoestima, perdem a timidez, aprendem a se expressar, entre outras situações aprendidas aqui com os demais alunos. Além disso, os estudantes que participam do projeto acabam influenciando outros à pratica da leitura e até mesmo a participarem do projeto”, explicou a assessora pedagógica Evely Cavalcante.

Após as oficinas, em outubro, ocorre a formatura dos alunos contadores de histórias, momento em que os alunos receberão o certificado como reconhecimento do seu desempenho nas oficinas.

“Essa é uma forma de reconhecimento por todo esforço, empenho e dedicação dos alunos ao longo desses meses. Um estímulo a mais para continuarem participando e futuramente contribuir com a Educação do Estado”, disse a assessora.

A culminância do Projeto ocorre no início de novembro, com a realização do VII Festival de Contação de História com o tema ‘Histórias e Alegria no Circo da Fantasia’. “Essa é uma oportunidade da população em geral participar do evento artístico-cultural, favorecendo o ato de ouvir e contar histórias. Com certeza esse momento será de muita ludicidade, criatividade, encanto e alegria”, complementou Evely.

O PROGRAMA – Criado em 2008 pela Seed (Secretaria de Educação e Desporto), o programa Caminhada Literária estima que mais de 300 alunos tenham participado das atividades de leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir »